Vestindo cores da Europa, equipe campeã seguiu exemplo da vitória do time original, em Paris

 

Depois de perder para a equipe do Brasil, em 2016, por 6,5 a 11,5, a equipe Internacional da Academia GolfRange Campinas, foi à forra e conquistou o título de 2018 da Ryder Cup AGRC – Paris/Campinas, disputada sábado e domingo, 29 e 30 de setembro, no campo executivo do clube. Só puderam jogar pelo time Internacional, que jogou com a bandeira da Europa, quem tinha passaporte de outro país que não o Brasil. Ao mesmo tempo, em Paris, a equipe da Europa recuperava a posse da Ryder Cup ao vence os EUA por  17,5 a 10,5.

Clique para abrir o álbum de fotos

O objetivo do torneio é motivar os associados da AGRC a jogar mais na modalidade match play, a mesma que será utilizada para definir o título do Campeonato Interclubes com Handicap Índex do Estado de São Paulo. A AGRC, que defende o título ganho em 2017, participa do quadrangular decisivo do Interclubes SP pelo terceiro ano consecutivo.

Disputa – O escocês Douglas Black, capitão do time Internacional, terceiro colocado do Mundial Sênior de 2018, foi vestido a caráter, com direito a kilt e bandeira de seu país natal. A família Giltrup, com Mads, Susanne, Jane e Thomas não ficou atrás e levou a bandeira da Dinamarca. No sábado, o time Internacional recebeu um reforço importante, do coreano Jimbo Há, o número 1 do ranking brasileiro amador, que jogou em dupla com Jane Giltrup.

A versão reduzida da Ryder Cup começou no sábado, com seis jogos de duplas, onde o time Internacional se impôs por 7 x 1. O time Internacional, voltou a ganhar no domingo, quando foram disputados oito jogos individuais de match play, por 6 x 2. No final, a vitória da equipe Internacional por 13 x 3 foi comemorada em grande estilo, com todos bebendo um single malt na taça de cristal de posse transitória.